Denise (MT), 26 de novembro de 2020 - 20:29

? ºC Denise - MT

Slideshow

DESTRUIÇÃO DA NATUREZA 19/11/2020 07:19 CAMPO GRANDE NEWS

Mar de jacarés e gado "gritam" de fome no Pantanal

A cena é impressionante. O áudio também. No meio do Pantanal, na região conhecida como Boca do Caronal à beira do Rio Taquari, centenas de jacarés se amontoam no açude de fazenda Palmerinha. Eles quase não se movem. O som ao redor é do gado com forme, descreve o pantaneiro que diz nunca ter visto nada igual em uma seca na região.

Esse era o último açude”, descreve o autor do vídeo. “Olha o berreiro do gado”, comenta ao identificar a fazenda onde está.

“Olha a imensidão de jacarés”.

“Tenho quantos anos de Pantanal, nunca vi tantos jacarés num lugar só”, continua.

 

O pantaneiro cita que já que tiveram que desatolar bezerro.  “É preocupante aqui. Estamos aguardando a chuva”.  Termina dizendo que Deus sabe o que faz.

Explicação – A água secou e os jacarés vão se juntando, seguindo apenas o instituto da natureza. São animais de sangue frio, precisam da água para controlar a temperatura do corpo.

“Conforme vai diminuindo a água, eles vão ficando mais quietos para economizar energia, porque tem pouca disponibilidade de alimento”, explica o tenente coronel Edmilson Queiroz, da PMA (Polícia Militar Ambiental).

Segundo o policial, que também é biólogo, a primeira reação dos animais é diminuir a reprodução. Outros bichos, complementa,  tentam sair dali para buscar forragens como alimentos.

Existe, até, a possibilidade de canibalismo, de acordo com o oficial da Polícia Militar. Essa é mais uma cena produzida pela maior seca em décadas no Pantanal. O bioma já teve incêndios que destruíram mais de 4 milhões de hectares e mobilizaram força-tarefa nacional.

 

1335x100

Click Denise

Todos os direitos reservados
É proibido a cópia total ou parcial do conteúdo, e a reprodução comercial sem autorização.
Denise- MT

Contato

Redes Sociais

Crie seu novo site Go7
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo