Denise (MT), 04 de julho de 2020 - 14:19

? ºC Denise - MT

Acontecimentos

24/06/2020 08:38 www.cenariomt.com.br

Mercado da carne em Mato Grosso se adequa para combate à Covid-19

Em Mato Grosso, que responde por cerca de 20% da carne brasileira exportada, as mudanças ocorreram das fazendas aos mercados, passando pelos frigoríficos

 

O mercado da carne em Mato Grosso precisou mudar, e rápido, para atender as exigências criadas pela pandemia do novo coronavírus. Inicialmente, o varejo foi o mais impactado, mas todas as atividades alteraram sua forma de produzir. Hoje, os cuidados foram intensificados e o foco principal é manter as condições de qualidade sanitária da carne, garantindo a saúde de todos os envolvidos.

Além de suprir a demanda do mercado interno, abastecendo mercados e açougues estaduais, Mato Grosso tem um importante papel na oferta de carne para os brasileiros e para exportação. Hoje, praticamente 20% da carne bovina brasileira consumida no mundo é mato-grossense. A certeza de procedência com boa condição sanitária é fundamental e agrega valor ao produto”, observa o diretor de operações do Instituto Mato-grossense da Carne (Imac), Bruno Andrade.

Em 2019, o estado de Mato Grosso respondeu por 19,67% do volume de carne bovina exportado pelo Brasil, e agora, em 2020, o percentual registrado nos cinco primeiros meses foi de 19,78%. Com isso, o estado permanece em segundo lugar no ranking nacional de vendas internacionais de carne, tendo somente São Paulo à frente.

Além de cuidados já disseminados como uso de máscara, distanciamento social e higiene das mãos, o setor de carne precisou alterar alguns procedimentos. Nas fazendas, virou rotina o controle de temperatura e a ampliação dos horários de almoço. Já nas plantas de abate, as medidas adotadas incluem mudança nos horários de desossa, adoção de barreiras físicas com materiais impermeáveis entre trabalhadores e mudança no layout da linha de produção para evitar ao máximo a aproximação física dos colaboradores.

A face mais visível das mudanças ocorreu nos mercados, supermercados e açougues, que não apenas intensificaram as ações de limpeza e desinfecção dos ambientes, como suspenderam degustação de produtos e foram levados a investir em vendas por delivery e porcionamento de carnes para formatos pré-embalados.


1070x100

Click Denise

Todos os direitos reservados
É proibido a cópia total ou parcial do conteúdo, e a reprodução comercial sem autorização.
Denise- MT

Contato

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo